Adcap quer se transformar em Sindicato para tentar legalizar a Findect no “tapetão”

Associação de chefes, gerentes e administradores postais dos Correios está querendo se transformar em sindicato, para ajudar a federação paraguaia se legalizar, aumentando assim a divisão da categoria

ADCAP (1) 

Os Juízes biônicos do Supremo Tribunal Federal (STF) reconheceu, em processo na última semana, a Adcap como uma “entidade com representatividade nacional”. Esse reconhecimento da associação de chefes dos Correios como representativa da categoria é mais um golpe divisionista contra os trabalhadores. Esse golpe está sendo organizado por baixo dos panos, em mais uma tentativa do governo e da direção da ECT de enfraquecer o movimento nacional ecetista.

O que é a Adcap

A Adcap (Associação dos Profissionais dos Correios) é a Associação que agrupa chefes, gerentes e altos funcionários da ECT, ou seja, é uma organização dos representantes dos patrões nos Correios.

Como é óbvio, as chefias não querem se submeter aos sindicatos, que são as representações da maioria dos trabalhadores (carteiros, OTTs, Atendentes, motoristas, administrativos), por isso, a própria direção da ECT apoiou a ciação de uma associação apenas de chefes. Nesse sentido, a Adcap foi uma das primeiras tentativas da direção da empresa de dividir os trabalhadores, usando uma manobra “por cima”.

Por seu caráter patronal, a Adcap é dominada por partidos burgueses, como o PMDB.

Adcap na Findect

A Adcap anunciou que deve ingressar na Findect. A federação paraguaia (Findect) foi uma criação conjunta dos sindicalistas do PCdoB/CTB e da direção da empresa para dividir o movimento nacional dos trabalhadores, retirando da Fentect os sindicatos de São Paulo e Rio de Janeiro. Esse empreendimento da empresa está completamente falido.

A Findect sequer existe como federação, não tem registro no ministério do trabalho pois não tem o número de sindicatos mínimos para formar uma federação. Por isso mesmo, o próprio TST, nas duas últimas campanhas salariais, reafirmou que a Fentect é a única representação dos trabalhadores dos Correios e a única que pode negociar.

Mesmo com todas as irregularidades, a direção da empresa bancou a federação que não existe, justamente para dividir o movimento nacional e mais uma vez derrotar a greve com a ajuda dos pelegos do PCdoB/CTB.

A entrada da Adcap na Findect revela a política completamente patronal dessa federação paraguaia. Por sinal, a Adcap já é filiada à CTB, não é preciso muito esforço para provar que essa é uma “central” patronal.

Está tudo em casa: Findect, Adcap, CTB, PCdoB, PMDB. Agora fica claro porque os diretores do Sintect-SP gostam tanto de tomar cafezinho na salinha dos gerentes.

Em que consiste o golpe

O reconhecimento da Adcap como “entidade com representatividade nacional” é parte da manobra desesperada da empresa e dos traidores do PCdoB/CTB de legalizar a falida Findect.

O golpe é simples: A Adcap ingressa na federação paraguaia, o STF reconhece a Adcap como um “sindicato” para que a Findect consiga mais um sindicato e possa se legalizar no “tapetão”. Está claro que tudo está sendo orquestrado pela direção da ECT juntamente com os chefes e os pelegos do PCdoB/CTB.

Se a manobra for bem sucedida, a empresa poderia negociar com uma federação de chefes da mesma maneira como negocia com a Fentect.

É preciso repudiar todas as manobras para enfiar goela abaixo da categoria os chefes e divisionistas. Quem negocia são os próprios trabalhadores!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s