Fentect convoca: Plenária Nacional dos Correios para organizar a luta contra o Postal Saúde

Só a mobilização dos trabalhadores poderá garantir o convênio médico da categoria. Plenária para organizar a luta e indicativo de greve geral para o dia 17 de dezembro

CTFEN 237

Está em andamento nos Correios uma manobra sórdida da empresa para tentar aprovar a privatização do convênio médico da categoria.

Como a empresa sabia que a Federação Nacional dos Trabalhadores dos Correios não assinaria nenhum acordo que atinja os interesses da categoria, inventou uma Mesa Nacional de Negociação Permanente-MNNP.

Para compor essa mesa a empresa convidou exclusivamente os presidentes dos sindicatos. Uma reunião de cúpulas, às escondidas da categoria.

Essa Mesa é um golpe, pois pretende criar a ilusão de uma negociação quando na verdade trata-se apenas de um balcão de negócios. A ECT senta na mesa já com um acordo forjado com traidores.

Essa tal MNNP é a versão pelega da Fentect. De quanto a Corrente Ecetistas em Luta do PCO e o Mope (Movimento de Oposição ao Peleguismo) não estávam no Comando. Ela reúnde Articulação Sindical/PT, CTB/PCdoB, PSTU/Conlutas. A exemplo do que aconteceu com o acordo bianual ou o PCCS da escravidão.

Para impedir que saia daí mais um ataque aos direitos dos trabalhadores a Fentect está convocando para o dia 12 de dezembro uma Plenária Nacional.

A Plenária tem por objetivo organizar a luta dos trabalhadores dos correios, com a presença de representantes de todo o país, possibilidade de participação de trabalhadores de base para deliberar sobre as iniciativas e o plano de luta, contra o golpe da MNNP, o Postal Saúde e pelo pagamento dos ativos do PCCS 95.

Por isso mesmo, setores pelegos de dentro e de fora da Fentect estão condenando a decisão de plenária e a denúncia da Mesa de Negociação como um golpe. Isto porque, não querem organizar a luta. São os mesmos setores que na Campanha Salarial, ao invés de ampliar a greve e fortalecer os atos em Brasília, propuseram a política fracassada de rebaixamento da pauta, chamada por eles de contrapoposta. São eles a pelega mór presidente do Sintect-DF, Amanda “Marmitex” Corcino, entre outros membros da ArtSind/PT e diretores do Sintect-GO, entre outros.

Além da Plenária a Fentect propõe que as assembleias para tirada de delegados à Plenária aprove também estado de greve, com greve prevista para o dia 17 de dezembro.

Os trabalhadores de base devem cobrar de seus sindicatos que aprovem o Estado de Greve e participem da Plenária, pois da luta da categoria depende o seu maior benefício que o Correios Saúde.

Todo apoio à Plenária Nacional dos Correios dia 12 de dezembro. Não ao Postal Saúde!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s